Felicidade no trabalho é possível? Saiba como chegar lá

Diversos problemas podem ceifar a felicidade no trabalho. Porém, existem meios de mudar essa situação. Saiba como.

0

Já dizia a velha frase “Escolha um trabalho que você ame e não terás que trabalhar um único dia em sua vida”. Seria essa a fórmula para a felicidade no trabalho?

De acordo com uma pesquisa do Instituto Locomotiva e o Grupo LMT – Loyalty & Trade Management, 56% dos brasileiros estão infelizes em seu trabalho. E a questão parece muito mais profunda. Segundo um estudo da Michael Page Brasil, 52% dos entrevistados estão insatisfeitos com seus gestores, enquanto 73% dos gestores se consideram capacitados para o cargo. Assim como 70% das pessoas afirmaram que gostariam de ter chefes mais motivadores para se sentirem felizes.

Atualmente, surgem novas metodologias a cada dia para que as empresas descubram qual o grau de satisfação de seus colaboradores. Porém, a análise desses dados pode ser muito relativa.

A disparidade apontada pelas pesquisas entre o pensamento dos funcionários e dos gestores é preocupante. Nesse sentido, será que é mesmo possível ser feliz no trabalho?

Em busca da felicidade

Assim como no filme protagonizado por Will Smith, você é parte importante quando se trata da felicidade no trabalho. Isso porque ninguém saberá tão bem quanto você sobre aquilo que te faz feliz. De acordo com um levantamento feito pela Universidade de Warwick, a produtividade aumenta 12% em funcionários felizes.

Os profissionais felizes tem em comum características como autoconfiança, otimismo, foco e flexibilidade. Juntas, essas características permitem que o profissional se adapte às mudanças constantes no mercado e foque seus objetivos.

As empresas com maior percentual de funcionários felizes também têm características em comum. Por exemplo, a valorização do funcionário, o gerenciamento eficaz da equipe e tratamento justo e respeitoso.

Acima de tudo, vale lembrar que a felicidade é relativa. Portanto, manter o diálogo com os superiores é fundamental. Além disso, pequenas atitudes como fazer parte das iniciativas em grupo, planejar seu dia e carreira, buscar soluções em conjunto para problemas e cuidar dos outros aspectos de sua vida – como a saúde mental e relações emocionais – com a devida atenção podem ajudar a manter a felicidade no trabalho.

Mas como agir em um ambiente tóxico?

Caso suas ações não tenham o resultado desejado, o melhor é evitar desperdiçar energia reclamando. Evite que tais estímulos negativos interfiram nos demais aspectos da sua vida e busque conselhos de quem já passou por isso e pode contribuir.

Por último, extraia o aprendizado dessa situação e, se possível, busque um novo objetivo que te faça feliz.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.