Explosão em Madri destrói prédio e deixa ao menos dois mortos

0

Uma grande explosão em Madri matou pelo menos duas pessoas e destruiu parte de um prédio nesta quarta-feira (20). O impacto provocou danos em ao menos quatro andares de um edifício residencial. Além disso, uma fumaça encobriu parte da região central da capital espanhola.

De acordo com o prefeito de Madri, José Luis Martínez Almeida, o prédio pode estar em risco de desabamento e a explosão parece ter sido causada por um vazamento de gás. “Várias pessoas estão sendo tratadas por ferimentos de diversas gravidades”, informou o prefeito.

Os mortos eram uma mulher de 85 anos e um homem cuja idade ainda é desconhecida pelos serviços de emergência. Dois dos feridos foram levados para o hospital, um deles com um tornozelo quebrado.

Bombeiros, policiais e socorristas estiveram no local e a área foi evacuada. No entanto, os bombeiros não puderam entrar no prédio devido a um incêndio em andamento. Os serviços de emergência publicaram um vídeo mostrando grandes quantidades de entulho espalhados pela rua. Confira!

Uma testemunha disse a um jornal de Madri que “tudo tremeu como uma bomba” e que “grande parte da fachada caiu.” Uma moradora contou à Associated Press que ouviu uma forte explosão: “Não sabíamos de onde vinha o som. Todos pensamos que era da escola. Subimos as escadas para o topo do nosso prédio e pudemos ver a estrutura do prédio e muita fumaça cinza”.

A explosão em Madri

A explosão em Madri aconteceu pouco antes das 15h, horário local (11h em Brasília), na Calle de Toledo, uma via principal ao sul do centro da cidade. O prédio, supostamente propriedade da arquidiocese de Madri, está localizado perto de uma escola, uma igreja e uma casa de repouso. De acordo com informações preliminares, os residentes do prédio são padres em formação.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.