Exército ainda busca desaparecidos após enxurrada de Santa Catarina

De acordo com as informações do Exército e do Corpo de Bombeiros, seis pessoas ainda estão desaparecidas em Santa Catarina

1

Ainda não dá para saber o tamanho exato do desastre humano após a enxurrada de Santa Catarina na última quarta-feira (16). De acordo com as informações oficiais, seis pessoas ainda estão desaparecidas na região do Vale do Itajaí.

A enxurrada aconteceu de fato na região na última quarta (16). Mas as buscas ainda não acabaram. Cerca de 100 agentes do Corpo de Bombeiros e do Exército ainda estão por lá neste domingo (20). Além deles, quatro cães estão auxiliando nas buscas.

Há uma preocupação da equipe com as chuvas por lá. É que com a previsão de nuvens pesadas chegando, as buscas podem parar novamente. Isso significa mais perca de tempo, e essa perca de tempo pode ser fatal para as possíveis vítimas.

Os agentes estão concentrando os esforços na cidade de Presidente Getúlio. É a cidade que sofreu os danos mais graves. Das 15 pessoas que morreram até aqui, 12 foram de lá. E a tendência é que as outras seis também estejam por lá.

As outras três vítimas fatais são dos municípios de Ibirama (1) e de Rio do Sul (2). Essas quinze já passaram por um reconhecimento. Ao todo, a enxurrada acabou atingindo e fazendo estragos em 14 municípios da região. As autoridades estão portanto preocupadas com a possibilidade de mais chuva chegando.

Tragédia em Santa Catarina

Além de toda essa situação, ainda há outro problema: a pandemia do novo coronavírus. É que a pandemia ainda não acabou e há o medo de contaminação pelos agentes de resgate. Além disso, 184 pessoas perderam as suas casas por causa da chuva.

Há portanto uma atenção especial sobre a contaminação dessas pessoas. O Governo do Estado ainda não se pronunciou sobre o que vai fazer com elas. No momento, os bombeiros e os agentes do Exército seguem realizando as buscas para encontrar possíveis sobreviventes.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.