Ex-vereadora é assassinada no interior de SP

O corpo da ex-vereadora Madalena Leite foi encontrado no início da madrugada desta quarta-feira (07), em Piracicaba, no interior de São Paulo.

1

O corpo da ex-vereadora Madalena Leite foi encontrado no início da madrugada desta quarta-feira (07), em Piracicaba, no interior de São Paulo. De acordo com a Polícia Militar (PM), ela, a primeira vereadora travesti da cidade, foi encontrada em sua casa, com sinais de violência.

Adolescente põe fogo na casa após mãe proibir uso do celular

Madalena, que tinha 64 anos, foi encontrada com vários ferimentos no rosto. Segundo a PM, um vizinho foi quem a localizou. Ele disse aos agentes que tinha a chave do imóvel, já que sempre frequentava a casa da vítima.

Ao chegar na residência, ele encontrou o portão da frente somente encostado. Quando entrou, avistou a ex-vereadora no sofá, já morta.

madalena
O corpo da ex-vereadora Madalena Leite foi encontrada no início da madrugada desta quarta-feira (07), em Piracicaba, no interior de São Paulo. (Foto: reprodução)

Quem era a ex-vereadora

Madalena Leite se tornou a primeira travesti eleita em Piracicaba em 2012. À época, ela foi eleita vereadora com 3.035 votos. Na ocasião, ela já somava mais de 25 anos como líder comunitária, sendo considerada um ícone na cidade.

A caminhada na polícia terminou em 2016, quando ela pediu afastamento da Câmara por motivos de saúde – ela foi diagnosticada com câncer de próstata.

Nas eleições seguintes, ela deu uma entrevista ao portal G1 explicando que não se candidataria por conta dos problemas de saúde e agressões racistas e homofóbicas sofridas nas redes sociais durante a gestão no Legislativo.

Em Piracicaba, Madalena ficou famosa por conta de sua personalidade e também pelo visual. Negra, com quase 1,80 metro de altura, ela nasceu em um corpo masculino, mas, desde sempre, já usava roupas femininas.

Em nota, a PM revelou que o corpo de Madalena foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). Até o momento, ainda não há suspeitos para o crime e o caso foi registrado como homicídio e encaminhado para o Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) de Piracicaba.

Leia também: Criminosos invadem banco e causam terror no interior de SP

Leia Também:

1 comentário
  1. […] Ex-vereadora é assassinada no interior de SP […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.