Ex-atriz de Malhação conta sobre trabalho como faxineira na Irlanda

A atriz garante que não existe nenhuma vergonha em um trabalho honesto

0

A atriz Daniela Carvalho, que participou da 18ª temporada da novela Malhação, da TV Globo, contou tudo sobre seu trabalho como faxineira na Irlanda.

Teodora vai trabalhar como faxineira para lutar por Quinzinho – Resumo Fina Estampa de 25 a 30 de maio

Em entrevista a coluna de Patricia Kogut, nesta segunda-feira, dia 29, Daniela que está grávida de seu primeiro filho, revela que enfrentou uma dura realidade ao morar fora do Brasil.

Mesmo assim, ela nunca se envergonhou do trabalho duro e em suas redes sociais sempre dividia detalhes de seu emprego como faxineira.

Sobre isso, Daniela conta:

Compartilhei vídeos sobre a faxina na Irlanda, onde morei por oito meses. Fiz intercâmbio lá porque o país permite o estudo da língua ao mesmo tempo em que se trabalha. Eu estava ambicionando minha carreira artística. Quando a gente não tem medo e trabalho, vai seguindo e se resolvendo.

Os fãs da atriz, no entanto, ficaram chocados com sua nova realidade e Carvalho fez questão de tranquilizá-los:

E eu tentei acalmar as pessoas. Essa é a realidade de uma pessoa que sai do país e, claro, não tem dinheiro para se bancar. Muita gente tem preconceito. Mas é um trabalho honrado, difícil. A gente tem que valorizar. Não é demérito. Hoje em dia valorizo muito. Minha visão em relação a esses subempregos mudou muito. É a realidade da pessoa que sai do país e também a de muitas pessoas do próprio país.

A atriz retornou recentemente dos Estados Unidos, onde fazia cursos de cinema.

Daniela fala sobre sua gravidez

Com 34 anos de idade, a atriz nunca escondeu sua vontade de ser mãe e finalmente pode realizar esse sonho.

Ela descobriu que estava esperando enquanto ainda vivia nos Estados Unidos e ela e seu namorado, Juan Diaz, decidiram ficar no Brasil até a criança nascer.

Daniela explica:

Decidi voltar dos Estados Unidos logo no início da pandemia para buscar meus cães. E foi uma decisão acertada porque acabaríamos ficando presos na fronteira. Moro em São Paulo com o meu namorado e decidimos ter minha filha pertinho da minha mãe.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.