Estado de SP chega a marca de 300 mil contaminados pelo coronavírus

As novas confirmações informadas não significam, necessariamente, que as mortes e casos aconteceram de um dia para o outro, mas que foram contabilizadas no sistema neste período.

0

Na quinta-feira (2), o estado de São Paulo chegou a marca de 300 mil contaminados pela covid-19.

Diante dos números, o governo prevê que, até 15 de julho, o estado terá entre 18 mil e 23 mil mortes causadas pela doença e de 335 mil a 470 mil casos confirmados.

Dados no estado de SP nas últimas 24 horas:

  • 321 mortes
  • 12.244 casos

Dados no estado de SP desde o início da pandemia:

  • 15.351 mortes
  • 302.179 casos
Saiba mais sobre os números de São Paulo
Estado de SP chega a marca de 300 mil contaminados pelo coronavírus
Estado de SP chega a marca de 300 mil contaminados pelo coronavírus – Foto: Pixabay

As novas confirmações informadas não significam, necessariamente, que as mortes e casos aconteceram de um dia para o outro, mas que foram contabilizadas no sistema neste período.

Os números costumam ser menores no final de semana e às segundas-feiras, devido ao atraso nas notificações nestes dias.

Diante do avanço da pandemia do coronavírus no estado de São Paulo, o último recorde aconteceu em 26 de junho, quando foram confirmados 9.921 novos casos da doença.

Em um único dia, o estado chegou a registrar 19 mil casos da doença, mas isso ocorreu devido ao acúmulo de casos não inseridos em sistema após dois dias com problemas no sistema de notificação do governo federal

Estado espera a liberação para os testes da vacina contra o coronavírus

O estado de São Paulo aguarda com expectativa a liberação da Anvisa para o início dos testes da vacina contra o coronavírus.

Hoje duas vacinas vem sendo testadas na região. Uma delas é a parceria da Universidade de Oxford com a Unifesp. A outra é da farmacêutica chinesa com o Instituto Butantã.

Diversos voluntários já foram selecionados para o início dos testes, e falta agora a Anvisa começar a liberar o acesso a vacina nesta fase com humanos.

OMS disse na última semana que as vacinas testadas no Brasil são as que apresentam mais chances de darem certo.

Apesar disso, a expectativa é que elas só estejam em circulação ao público em geral apenas em 2021.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.