Estado de São Paulo ultrapassa dois milhões de vacinados

Agora, o Estado de São Paulo bateu mais um marco no número de vacinações, ultrapassando dois milhões de vacinados.

0

No final da tarde de uma terça-feira, dia 9 de fevereiro, o Governo do Estado de São Paulo informou 1.007.454 de pessoas vacinadas contra a Covid-19. Agora, o Estado de São Paulo bateu mais um marco no número de vacinações, ultrapassando dois milhões de vacinados. De acordo com o vacinômetro, até o momento desta matéria, são 2.018.091 pessoas vacinas no estado. Dessas, 1.634.404 receberam a primeira dose e 383.687 estão imunizadas também com a segunda dose da vacina. 

Grupos prioritários na vacinação no estado de São Paulo

Os primeiros a receberem a vacina foram profissionais de saúde da linha de frente, indígenas, idosos com idade acima de 90 anos. Além disso, aqueles que residem em lares ou instituições de longa permanência com mais de 60 anos e deficientes, acima de 18 anos, também foram os primeiros. A vacinação segue sendo ampliada para outros grupos, assim como foi recentemente para médicos autônomos, como o Dr. Dráuzio Varella. 

Histórias marcantes na vacinação

Diversas histórias marcantes já passaram pelos postos de vacinação em todo o estado, noticiamos aqui os famosos que já tomaram a vacina em São Paulo e até uma sobrevivente do holocausto que recebeu o imunizante. A expectativa agora é que, a partir de março, idosos de 80 a 84 anos também entrem para o grupo prioritário de vacinação. 

426 mil doses por dia é a expectativa no estado de São Paulo

A partir da próxima terça (23), o Butantan quer acrescentar ao Plano Nacional de Imunizações um novo lote, com 3,4 milhões de doses entregues em um prazo de oito dias. Assim, em média, serão 426 mil doses por dia para a entrega de vacinas a todos os brasileiros, contra o coronavírus em todo o país. “A vacina salva e protege, todos nós temos que priorizar a vacina. Esse é o momento de salvar os brasileiros para, protegendo vidas, recuperar a economia e a normalidade de nossas vidas”, disse o governador Doria.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.