Estado de São Paulo registra redução nos casos de homicídios e latrocínios no mês de novembro

3

Dados divulgados nesta segunda-feira (28) pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP) mostram que o estado de São Paulo terminou o mês de novembro com redução nos indicadores de casos de homicídios e latrocínios, estupros e em todas as modalidades de furtos.

Leia também: Homem que tentou salvar esposa no mar é localizado morto

O número de mortes intencionais no estado teve uma queda de 1,2% de queda em comparação com 2019, que registrou 246 em novembro de 2019 contra 243 no mês passado – em números absolutos, foram três a menos.

Já o número de vítimas do indicador oscilou de 255 para 277 no período. Com as variações, as taxas de homicídios dolosos dos últimos 12 meses (de dezembro de 2019 a novembro de 2020) ficaram em 6,51 casos e 6,86 vítimas de homicídios a cada grupo de 100 mil habitantes.

De acordo com a SSP-SP, outro indício que registrou queda foi o de estupros, que caiu 3,5%. O total passou 1.090 em novembro de 2019 para 1.052 no mês passado – 38 ocorrências a menos.

Crimes contra o patrimônio também em queda 

“Outra modalidade de crime que teve queda foi o de extorsão mediante sequestro, que ficou sem nenhum registro pela terceira vez na série histórica, que começou a ser contabilizada em 2001”, revelou a secretaria em nota. Já os casos de roubos seguidos de morte recuaram de 14 para 12.

Nas vítimas de latrocínios a queda foi ainda mais acentuada, já que o total passou de 15 para 12 – a menor soma da série. Nos furtos em geral e de veículos o recuo foi de 15,9% e 22,6%, respectivamente.

Na primeira modalidade, a quantidade passou de 41.505 para 34.909, ou seja, 6.596 a menos. Na segunda, o número caiu de 7.642 para 5.914 (-1.728). Os dois totais são os menores da análise histórica.

O trabalho realizado pelas três polícias do estado de São Paulo em novembro deste ano resultou em 10.802 prisões. No período, 913 armas de fogos foram retiradas das ruas e 3.170 flagrantes de tráfico de drogas foram registrados.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.