Ensino híbrido ganhará mais força após a pandemia

Saiba mais sobre essa modalidade de ensino e saiba qual a previsão para os próximos anos!

0

Desde o início da pandemia, muitas coisas mudaram. Dessa forma, não apenas para as pessoas que precisavam sair de casa para trabalhar, mas também para alunos e professores de escolas e universidades. Sendo assim o ensino híbrido ganhará mais força após a pandemia.

Em outras palavras, mesmo que tenha sido um choque grande essa necessidade de mudanças após a pandemia, algumas coisas se concretizaram.

Além disso, precisamos entender que mesmo antes da pandemia, muitas universidades já ofereciam cursos EAD, que apostam no ensino à distância.

Sendo assim, a tendência é que a partir de agora, esse tipo de estudos seja ainda mais comum.

Saiba mais como pode ser daqui pra frente!

Universidades Particulares

Como sabemos, fazer um curso à distância não é algo tão fora do normal, até porque muitas universidades já oferecem graduação no formato EAD.

Além disso, vale a pena destacar que houve um aumento significativo de matrículas para cursos à distância entre o ano de 2017 e 2018.

Essa pesquisa que constatou o fato do aumento na procura por cursos à distância, foi uma realização da Abed (Associação Brasileira de Educação à Distância).

O que também podemos compreender como uma mudança significativa são os dados do Inep em relação aos alunos que se matricularam no ano de 2019.

Em outras palavras, segundo os dados do Censo Superior, as matrículas para cursos superiores no ano de 2019 foram 43,8% para cursos à distância.

Período Pós-pandemia

O que podemos entender é que mesmo depois da pandemia, muitas universidades já estavam preparadas para lidar com o ensino à distância.

Isso porque principalmente para universidades particulares, a educação EAD já era algo da rotina.

No entanto, as universidades federais, que não estavam preparadas para o ensino à distância, tiveram que enfrentar grandes prejuízos.

Por esse motivo, após esse período de pandemia, a previsão da realidade é que todas as universidades se adaptem para fornecer estudo à distância.

Clique aqui e veja como estudar à distância sem cometer erros.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.