Enade 2019 teve destaque das Universidades Federais

As Universidades Federais brasileiras foram responsáveis pelas melhores avaliações no Enade 2019. Graduações presenciais e particulares são maioria.

0

Foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), na última terça-feira, 20 de outubro, os resultados do Enade 2019. O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes é responsável por avaliar o desempenho dos alunos dos cursos de graduação brasileiros.

A avaliação é aplicada para os estudantes que estão iniciando ou finalizando o curso. O Enade avalia o nível de absorção dos conteúdos programáticos desses estudantes em relação ao que foi ministrado em aula. Assim, o exame funciona como uma espécie de termômetro da qualidade de ensino do curso em questão.

Acima de tudo, o Enade é uma prova obrigatória para os estudantes. Desse modo, eles tem a sua formação geral e específica do curso avaliadas nesta prova.

Universidades federais são destaque no Enade

De acordo com os dados do Inep, as Universidades Federais representam 67% das notas máximas obtidas na avaliação. Na sequência, estão as universidades estaduais, com 14,5% das melhores avaliações. As universidades privadas com fins lucrativos representam apenas 9% das melhores avaliações do Enade. Entretanto, apesar de as Universidades Federais serem as melhores avaliadas no Enade, esse desempenho pode ser prejudicado nas próximas edições. Pois, essas universidades deverão ser as que mais sofrerão com os cortes de orçamento em 2021.

Além disso, os cursos com modalidade presencial de ensino foram melhor avaliados quando comparados aos cursos à distância. Como resultado, 27% dos cursos presenciais obtiveram notas 4 ou 5, as mais altas do Enade. Em contrapartida, apenas 16,7% dos cursos à distância obtiveram notas 4 ou 5 na avaliação.

Do mesmo modo,cerca de 50% dos cursos on-line avaliados no Enade obtiveram notas baixas – conceitos 1 e 2. No caso dos cursos presenciais, 35% deles obtiveram notas 1 e 2.

Em 2019, foram avaliados 29 cursos distintos de ensino superior. Dentre os avaliados, apenas 6,1% obtiveram conceito 5 no Enade. Igualmente, apenas 18% delas são privadas. Dos estudantes avaliados, apenas 1% obteve mais do que 95 pontos.

A edição 2020 do Enade deverá ser aplicada apenas em 2021, ainda sem data definida.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.