Empresário revela os últimos momentos de Elza Soares: “Morte tranquila”

De acordo com Pedo Loureiro, a diva já sabia que estava prestes à morrer

0

Pedro Loureiro, empresário de Elza Soares, revelou em entrevista ao site G1, nesta sexta-feira (21), os últimos momentos da cantora antes de falecer. De acordo com o agente, a artista de 91 anos estava bem e disposta, mas já havia pressentido que aquele seria seu dia final na Terra.

Ariadna Arantes diz que Pedro Scooby já a chamou com termo transfóbico

“Ela estava bem, gravou o DVD no dia 17 e 18 de janeiro. Acordou hoje e fez fisioterapia. Tudo normal. A gente até percebeu um leve cansaço nela, uma respiração mais ofegante, mas achamos que foi por causa da fisio”, relembra Pedro. Na sequência, ela começou a apresentar uma fala embolada e alarmou os familiares quando disse: “Eu acho que vou morrer”.

A declaração acendeu o alerta de todos, que logo pediram uma ambulância. 40 minutos depois, no entanto, Elza foi mudando o semblante, até que faleceu: “Foi uma morte tranquila, sem traumas, sem motivo. Morreu de causas naturais. Esse, aliás, era um grande medo dela: ter uma morte sofrida, por doença. Hoje, ela simplesmente desligou”.

O velório de Elza ocorreu no Theatro Municipal, no Rio de Janeiro, e o corpo da artista será sepultado no Jardim da Saudade Sulacap, que também fará uma homenagem à cantora na capela VIP. O enterro ocorrerá no setor do Cristo Redentor.

Elza faleceu na tarde da última quinta-feira (20)

A cantora Elza Soares, uma das maiores vozes da música brasileira, faleceu na tarde desta última quinta-feira (20), exatamente às 15h45, em sua casa no Rio de Janeiro. De acordo com a assessoria de imprensa da cantora, ela morreu de causas naturais.

“É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais. Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milênio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação”, determinou a nota para a mídia.

Elza começou a carreira no samba, nos anos 60, e teve mais de 34 álbuns lançados, sempre se inspirando em ritmos essencialmente brasileiros. “A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares fãs por todo mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou até o fim”, finalizou o comunicado.

 

Veja também: Atriz Elizângela é internada com sequelas graves da Covid-19 após se recusar a tomar a vacina

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.