Duas Desvantagens de investir em fundos de investimento

1

Uma das opções de investimento mais procuradas no mercado são os fundos de investimento. Hoje no Brasil existem fundos dos mais diferentes tipos. Por mais que seja uma opção interessante, nem todos os fundos são bons. Às vezes as próprias características dos fundos não se encaixam no perfil do investidor. Nesse artigo nós vamos conhecer duas desvantagens de investir em fundos de investimento.

Gestor do fundo

Da mesma forma que um gestor pode ser bom, ele também pode ser ruim. Fundos que não possuem limites com relação aos investimentos que fazem parte da carteira, devem ser bem observados.

O que pode acontecer é o seguinte; um fundo multimercado pode contar com diferentes investimentos que vão desde a renda fixa tradicional (como o CDB e Tesouro Selic) até ativos mais arrojados, como as opções, por exemplo.

Observando isso, a estratégia do gestor pode ser ampla e variada ao decorrer do tempo. De repente, quando você for avaliar as características do fundo, o mesmo tinha uma boa estratégia e ativos que você compreende. Mas depois, como o passar do tempo à carteira muda e você passa a não compreender o porquê dos investimentos e de repente o fundo ao invés de se valorizar, começa a registrar perdas.

Nesse momento, além do medo de perder mais dinheiro, o fato de não compreender o que acontece acaba levantando a desconfiança do investidor. Fato que não ajuda na manutenção da posição e pode trazer perdas ao cotista.

Lentidão para o resgate

Não são todos os fundos que apresentam demora na hora de resgatar os valores investidos, mas alguns possuem certa lentidão.

A demora pode chegar a ultrapassar os 30 dias! Ou seja, dependendo do fundo, no dia que você faz o resgate, dá para contar mais uns 30 dias e aí sim, o dinheiro estará em sua conta.

Mesmo para investimentos de longo prazo, o fato de demorar tanto o resgate pode acabar prejudicando a sua estratégia e até, trazer certas perdas para o seu portfólio.

Fundos de ações, especializados em determinadas estratégias, ou de debêntures, são exemplos de fundos que podem demorar mais para liquidar os resgates.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.