Dieta rica em zinco ajuda a elevar o nível de testosterona no organismo

Hormônio auxilia no aumento da massa magra

0

Na busca pelo corpo perfeito, muitos homens e mulheres se submetem a recursos prejudiciais à saúde. O uso de hormônios sem indicação médica é um deles, visto que para aumentar a massa magra é preciso ter níveis altos de testosterona no sangue.

As injeções de testosterona geralmente são indicadas para homens diagnosticados com carência deste hormônio, a fim de normalizar suas taxas no organismo, entretanto, quando utilizada sem indicação médica ou por mulheres pode levar a um excesso, causando diversas complicações.

Diante disto, caso o interesse em aumentar a testosterona seja apenas por objetivos estéticos, vale a pena apostar em recursos naturais, que elevam o nível deste hormônio no sangue, auxiliando assim, na conquista da massa magra de forma estratégica.

A alimentação, exercícios físicos e até o descanso são fatores essenciais neste processo. Saiba mais!

Dieta rica em zinco em prol da testosterona

O primeiro passo para aumentar a testosterona de forma natural é priorizar uma dieta rica em zinco e vitaminas A e D. Isso porque estes nutrientes interferem diretamente na produção do hormônio.

Tanto o zinco, como as vitaminas A e D podem ser obtidos exclusivamente através de alimentos naturais, entretanto, o uso de suplementos também pode ser conveniente, caso o indivíduo não consiga atingir a quantidade diária ideal.

Para saber quanto é preciso de cada um desses nutrientes para garantir o ganho de massa, é essencial passar por um nutricionista, que fará as indicações, de acordo com as características de cada paciente. Entre os alimentos pró-testosterona, os mais indicados são:

Ricos em Zinco

  • Ostras
  • Fígado
  • Feijão
  • Castanha
  • Sementes de girassol

Vitamina A

  • Fígado
  • Gema de ovo
  • Óleos de peixes
  • Cenoura
  • Espinafre
  • Manga
  • Mamão

Vitamina D

  • Salmão
  • Sardinhas
  • Ovo
  • Iogurte
  • Fígado
  • Atum
  • Cogumelos

Além desses alimentos, a Vitamina D pode ser garantindo através da exposição solar pelo menos 1h ao dia.

Também vale destacar, que em contrapartida desses alimentos, é preciso evitar o consumo de açúcar e soja, visto que estes causam um efeito contrário no organismo, reduzindo os níveis de testosterona.

Musculação intensa para mais testosterona!

Outro jeito de aumentar os níveis de testosterona de forma natural é pegando pesado na musculação.

Os exercícios intensos com levantamento de peso contribuem para o aumento do hormônio, além de garantir outros benefícios como a tonificação dos músculos, melhora da densidade óssea, mais qualidade no condicionamento cardiorrespiratório, entre muitas outras vantagens.

Os treinos devem ser feito de fora regular e intensa pelo menos 40 minuto por dia. Além disso, é importante alternar os exercícios para cada dia trabalhar um músculo diferente, visto que o descanso é necessário para hipertrofiar.

Descansar é necessário!

Não basta apenas apostar em uma dieta pró-testosterona e praticar musculação de forma intensa, é preciso aliar um descanso adequado, através de uma boa noite de sono.

O ideal é dormir por no mínimo seis horas seguidas, visto que será durante este período que os níveis de testosterona tendem a subir, ajudando assim o processo de hipertrofia.

Além disso, neste momento de descanso, os níveis de cortisol acabam sendo reduzidos. Vale lembrar, que este hormônio afeta negativamente a produção de testosterona.

Ademais, é importante ressaltar que os níveis adequados de testosterona não interferem apenas no ganho de massa magra, pois estes hormônios também são responsáveis pela libido sexual, disposição, humor e até pela qualidade do sono.

 

4.8/5 - (6 votes)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.