Diageo retira suas marcas Smirnoff e Johnnie Walker da Copa América no Brasil

Companhia inglesa é a terceira empresa a retirar sua marca da competição, seguindo Mastercard e Ambev

0

A Diageo, dona das marcas Smirnoff e Johnnie Walker, decidiu retirar suas marcas da Copa América do Brasil. A saber, a companhia britânica é a terceira empresa a fazer isso, após Mastercard e Ambev também terem anunciado a retirada de suas marcas da competição.

Em comunicado, a Diageo afirma que cortará o patrocínio “diante da atual situação sanitária brasileira e em respeito ao momento da pandemia do Covid-19”. Além disso, a companhia afirma que os termos do patrocínio aconteceram quando a previsão de realização do evento indicava Colômbia e Argentina, não o Brasil.

“A Diageo reitera seu compromisso com a sociedade observando os protocolos de segurança e ações institucionais que contribuam para a mitigação da pandemia.”, afirmou. O anúncio acontece nesta quinta-feira (10).

Isso acontece após a decisão da Ambev de não associar seu nome à competição. “Ambev informa que suas marcas não estarão presentes na Copa América. A companhia segue com seu compromisso e apoio ao futebol brasileiro”, afirmou o conglomerado de bebidas.

Da mesma forma, a rede de cartões Mastercard informou que não patrocinará o campeonato. “Após análise criteriosa, decidimos por não ativar nosso patrocínio à Copa América no Brasil”. No entanto, a empresa ressaltou que isso não representa um rompimento com a Confederação Sul-Americana de Futebol.

Em resumo, o Brasil aceitou se tornar a sede da Copa América após a desistência da Colômbia devido a problemas políticos. Aliás, a Argentina também recusou ser a sede do campeonato, pois atualmente vive um momento de agravamento da pandemia da Covid-19.

Patrocinadores cobram apuração da CBF sobre abuso sexual

Todas estas desistências acontecem em meio a acusações de assédio sexual e moral contra o então presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo. Ele foi afastado do cargo por 30 dias em determinação da Comissão de Ética da entidade.

A saber, a Copa América começa neste domingo (13), com o jogo Brasil x Venezuela. A partida acontecerá no estádio Mané Garrincha, em Brasília, Às 18h. Além da capital brasileira, as capitais Cuiabá, Goiânia e Rio de Janeiro também terão jogos do torneio.

Leia Mais: STF rejeita ações conta Copa América e torneio vai ser realizado

Veja Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.