Despesas com habitação correspondem a mais de um terço do total em 2018

Os dados são da Pesquisa de Orçamentos Familiares do IBGE

1

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as despesas com habitação atingiram a marca de R$ 466,34 em 2018. A parcela corresponde a mais de um terço do total das despesas de consumo, que chegaram a R$ 1.370,53. Ou seja, cerca de 34% das despesas foram com a habitação. 

Os dados foram coletados pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) do IBGE entre 2017 e 2018 em todo o Brasil. 

De acordo com o levantamento, o top três das despesas de consumo ainda trouxe transportes e alimentação no segundo e no terceiro lugares. Os valores ficaram em R$ 234,08 e R$ 219,44, respectivamente. 

Além disso, a pesquisa mostrou que a despesa total per capita entre 2017 e 2018 chegou a R$ 1.667,90. Em suma, R$ 1.554,06 se referiam às despesas correntes. Já R$ 63,61 correspondeu ao aumento do ativo, enquanto R$ 50,22 à redução do passivo. Nesse caso, os R$ 1.370,53 são apenas as despesas com consumo. 

Os dados ainda trouxeram o seguinte: a despesa total per capita alcançou R$ 1.524,17 quando a pessoa de referência da família era uma mulher. Esse valor ficou 12,4% abaixo do registrado em famílias que tinham um homem como pessoa de referência (R$ 1.764,73). Vale ressaltar a relação entre estas configurações de famílias no quesito transporte. Em resumo, os gastos chegaram a R$ 268,96 per capita nas famílias cujo responsável era um homem. No caso das mulheres como pessoa de referência, o valor ficou 32,2% menor, chegando a R$ 182,29. 

 

Relação entre as famílias por cor ou raça 

Ao mesmo tempo, a POF relatou que houve uma expressiva diferença entre famílias que tinham brancos ou pretos e pardos como pessoa de referência. Em síntese, a despesa total per capita ficou em R$ 2.279,19 para os brancos, valor 47% superior ao apresentado pelas famílias com preto ou pardo como pessoa de referência (R$ 1.207,11). 

Por fim, também é importante destacar a diferença entre os grupos de despesas: habitação (R$ 644,31 para brancos e R$ 330,72 para pretos ou pardos), assistência à saúde (R$ 183,94 para brancos e R$ 94,99 para pretos ou pardos) e alimentação (R$ 269,44 e R$ 181,60, respectivamente). No entanto, a maior diferença ficou relacionada à escolaridade. As despesas de famílias chefiadas por pessoas com ensino superior completo chegaram a R$ 4.230,44, ante R$ 776,29 das famílias com pessoas sem instrução. A diferença ficou em 81,65%. 

 

LEIA MAIS

Confiança da indústria sobe em 22 dos 30 setores pesquisados em novembro

POF 2018: 12,1% da população brasileira vivia abaixo da linha da pobreza

Leia Também:

1 comentário
  1. […] Despesas com habitação correspondem a mais de um terço do total em 2018 […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.