Defesa de Robson Oliveira espera que ele seja julgado até final de 2020

0

O advogado de Robson Oliveira preso há mais de 600 dias na Rússia por levar remédios para o sogro do volante do Beijing Gouan espera que o caso seja julgado até o final do ano. A expectativa é de que o homem contratado para ser motorista da família do jogador com passagem pela Seleção Brasileira possa ser libertado.

Fernando pelo Spartak / Foto: GZH

Na pior das hipóteses, que seja permitido que ele venha cumprir a sentença no Brasil, ficando próximo de seus familiares. Ele foi preso por entrar na Rússia com remédios à base de Metadona, substância que é proibida no país do leste europeu. Em que pese seja vendida legalmente no Brasil, onde foi adquirida.

Robson Oliveira chegou ao país com todos os documentos necessários para o que seria uma entrega normal de medicamentos por aqui. Mas na Rússia é crime equiparado ao tráfico de drogas. Pois é uma substância considerada entorpecente e ilegal. Não se sabe se houve má-fé do jogador. Mas o fato é que ele e sua família foram para a China e deixaram Robson desamparado.

Confira as declarações de Olímpio Soares o advogado de Robson

“Não serão solicitadas mais depoimentos das testemunhas de acusação. Além disso, a juíza parece ter a tendência de correr com o processo. Acho que na verdade eles estão vendo o sofrimento do Robson e querendo acabar logo com isso”, disse o jurista.

Seu colega russo Pavel Gerasimov explicou: “O promotor leu todos os outros depoimentos. Em seguida, analisamos o caso inteiro e passamos pelo testemunho do Robson. Demorou cerca de 30 minutos. Não vamos esperar por outras testemunhas, tentando acelerar o processo. A próxima audiência será no dia 17”, ambas as entrevistas foram concedidas ao jornalista Mauro Cezar Pereira.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.