Corrida: benefícios e cuidados

0

Um dos esportes mais praticados na atualidade, principalmente durante o período de pandemia COVID-19.  Que correr é bom, todo mundo sabe. Alguns correm para aliviar o estresse, outros para treinar para maratonas; enfim, existem vários motivos para correr e trazer muitos benefícios à saúde.

Quando você pensa em começar a correr geralmente o que vem à cabeça como o principal benefício? Manter o corpo em forma? Perder peso?

A corrida é uma prática de exercício indicada para todas as pessoas, desde que com seus devidos cuidados e limitações. Correr traz inúmeros benefícios ao seu corpo físico e mental e quem experimenta não para mais, tão bons são os resultados. E o melhor ainda é que nesta pandemia, ela é super indicado pois você pode fazer ao ar livre, o que traz ainda o contato com a natureza.

Veja os benefícios:

Benefícios

– Melhora da capacidade cardiorrespiratória, consequentemente, diminuindo chances de desenvolver doenças cardiovasculares;
– Auxílio no tratamento e controle da ansiedade;
– Promove aumento da resistência, força e potência muscular;
– Modalidade que é importante aliada no emagrecimento;
– Auxílio no processo de aumento da densidade óssea, importante para prevenir osteopenia/ osteoporose.

Contudo, antes de iniciar a correr, o atleta deve observar alguns aspectos biomecânicos, para evitar lesões.

Cuidados

  • Overstride: considerado como pisada longa, distância do pé em relação ao corpo (centro de gravidade), o que aumenta o impacto e a sobrecarga no joelho.
  • Corrida “Sentado”: Desequilíbrio no centro de gravidade, fazendo com que músculos extensores do tronco, projetando o corpo para baixo, dando impressão que o tronco está “sentado” sobre o quadril.
  • • Alto Impacto: podendo ocasionar várias lesões ao praticante e está diretamente relacionado aos erros de biomecânica do atleta, pode ser avaliar através, da pisada ou até mesmo pelo som do pé ao se tocar o solo, quanto maior o barulho maior o impacto sofrido pelo corpo. Nesse caso pode gerar lesões de joelho, quadril e coluna.

Topa inserir esse hábito a partir dessa semana?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.