Coronavírus: a importância de evitar o contato físico

1

Considerado um dos países mais calorosos do mundo, os brasileiros estão tendo bastante dificuldade ao evitar contato com outras pessoas. Antes da pandemia causada pelo Coronavírus, as interações eram bastante íntimas, abraços apertados, beijo no rosto, até mesmo com pessoas que havia acabado de conhecer.

Mas agora, não pode tocar, não pode ver, não abraçar, não pode ter contato. O que antes era caloroso, agora é frio e impessoal. No entanto, ainda existe aqueles que conseguiram driblar todo o sistema imposto pela Organização Mundial da Saúde (OMS), e usam um toque nos cotovelos para simular uma saudação.

Veja: Obesidade é um fator de risco para adquirir o Coronavírus

Em uma entrevista para a BBC News, Cristine Legare, professora de psicologia da Universidade do Texas em Austin, revelou que o ato de tocar é algo biológico. E, possivelmente, uma adaptação sentimental adquirida pelos neurotransmissores ao passar dos anos. Ela ainda acrescentou: “O fato de termos optado pelo toque no cotovelo como alternativa, mostra a importância do toque – não queríamos perder essa conexão física”.

evitar o contato físico previne o coronavírus
A importância de evitar o contato físico na prevenção ao Coronavírus / Fonte: BBC News

Saiba mais: Conheça as características morfológicas das tartarugas

Entretanto, apesar de estarmos passando por uma situação complicada, o ideal seria evitar qualquer tipo de toque. Pois estamos lutando contra algo invisível ao olho nu. O toque com os cotovelos não é recomendado pelos médicos, pois, ao espirrar, utilizamos esse membro como apoio para evitar que o vírus se espalhe.

Você vai querer saber: Como deixar a hora de estudar mais atrativa para as crianças?

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.