Coritiba é atropelado em casa pelo Cruzeiro na Série B

Raposa faz 3 a 0 fora de casa e volta a sonhar com o acesso ainda nesta temporada

0

O Coritiba foi surpreendido em casa e levou 3 a 0 do Cruzeiro na noite desta sexta-feira (8), no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com esse resultado, o líder do campeonato, comandado pelo técnico Gustavo Morínigo, segue na ponta, com 54 pontos, mas agora com apenas três de vantagem sobre o Botafogo, vice-líder.

Por sua vez, a Raposa, sob comando do técnico Vanderlei Luxemburgo, agora está em 11º lugar, com 38 pontos, dez atrás do G-4, mas com duas vitórias seguidas que voltam a alimentar o sonho do acesso.

Agora, na próxima rodada, o Cruzeiro volta a jogar na terça-feira (12), a partir das 21h30, quando recebe o Botafogo, na Arena Independência, em duelo de gigantes na Série B.

Enquanto isso, o Coxa volta a jogar no outro sábado (16), quando visita o Vasco, no estádio São Januário, no Rio de Janeiro, a partir das 16h30, pela 30ª rodada.

O jogo

A partida começou quente e, logo aos 2min, o Cruzeiro foi para cima e abriu o placar com o meia Gionvanni, que aproveitou cobrança de escanteio e fez 1 a 0.

Em seguida, o time mineiro ampliou com Adriano, aos 7min, que mandou para o gol, livre: 2 a 0, em falha do goleiro Wilson.

Atordoado, o time da casa tentou reagir rápido e teve uma boa chance aos 12min, com William Farias, que acabou mandando por cima.

Porém, o Cruzeiro estava bem postado na defesa e o time da casa tinha dificuldades em conseguir chegar ao ataque.

Mas o time mineiro era até mais perigoso e, aos 26min, quase marcou o terceiro, com Giovanni, que mandou bem perto do gol.

Com isso, o Coritiba não conseguiu reagir os times foram para o intervalo com a vitória parcial do Cruzeiro.

Segundo tempo

Na etapa final, o Coritiba até voltou pressionando mais, em busca do primeiro gol, mas não conseguia levar perigo.

Assim, deu espaços ao Cruzeiro, que aos 15min chegou ao terceiro gol, desta vez com o zagueiro Eduardo Brock, que mandou de cabeça para o gol: 3 a 0.

Depois, aos 22min, o Coritiba ainda teve um pênalti após Ramon tocar a mão na bola. No entanto, Léo Gamalho cobrou mal e Fábio defendeu.

Com isso, o placar ficou inalterado até o final.

Leia também: Botafogo vence o CRB e retoma a vice-liderança da Série B

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.