Corinthians: o que aprender após a derrota no último derby?

Aprendizado após a derrota

0
Deu verdão na dividida do ultimo derby
Durante o jogo entre Corinthians/SP x Palmeiras/SP, na última segunda (18), na Arena Corinthians, válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2019. Juiz: Anderson Daronco – São Paulo/SP – Brasil – 04/08/2019. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

E agora Mancini?

O Corinthians sofreu uma derrota avassaladora aplicada pelo time do Palmeiras no Allianz Parque, na noite de segunda-feira (18), em um dia atípico para um Derby Paulistano. Há 20 anos o timão não sofria uma goleada tão acachapante aplicada por seu rival histórico.

A derrota colocou o ‘mancinismo’, tão falado nos últimos dias, em xeque, ou seja, o modelo deixou de ser inquestionável. A estratégia de avançar as linhas não funcionou diante da formação elaborada pelo português Abel Ferreira, que abdicou da velocidade de Rony para ocupar o meio de campo. Após os 15 minutos de partida, o Timão não viu a cor da bola. 

O Corinthians de Mancini perdeu o foco, e assim perdeu todo o domínio do jogo para o adversário.  A defesa que não sofria gols há 7 partidas, levou 4 e poderia ter sido mais.

Em time que está ganhando se mexe sim

A vitória contra o Fluminense deu a falsa impressão de que o meio com um volante de marcação é suficiente. Essa máxima não serve para todos os times, ou seja, não funcionou com o escrete palestrino. O Verdão, com meio campistas jovens e rápidos, controlou todas as ações na “meiúca”.

A melhor aposta seria Ramiro ou Xavier no lugar de Cantillo, que apesar de bons passes e inversões de jogo precisas não tem mostrado a que veio. O Corinthians jogou desguarnecido e sucumbiu à tática palmeirense.

Uma derrota para lembrar

Sempre após um revés, seja em qualquer circunstância, se diz: isso é, uma noite para esquecer. Para o Timão, essa derrota tem que ser lembrada. Tanto para colocar os pés no chão e saber os limites do elenco, quanto para não perder o foco nas próximas partidas. 

A derrota nunca é boa e deve ser sentida. Pois o torcedor corintiano não viu o Corinthians, mas sim um sparring do palmeiras em campo.

Perspectivas

Ao Corinthians, depois de uma temporada turbulenta, resta concluir dignamente o Campeonato Brasileiro, isto é, terminar de cabeça erguida, de acordo com o tamanho do clube. De preferência alcançando uma vaga direta na Libertadores, missão utópica, porém ainda possível. 

À Mancini cabe o jogo pragmático e dentro das possibilidades do elenco, como já vinha sendo feito, enquanto aguarda a volta do reforço mais importante, o Bando de Loucos na arquibancada.

 

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.