Corinthians tem erro de zagueiro e só empata com Furacão

Timão chegou a estar vencendo por 1 a 0, mas sofreu empate de pênalti.

0

O Corinthians entrou em campo nesta quarta-feira (15) com a possibilidade de dormir na liderança em caso de vitória. Diante do Athletico Paranaense de Felipão, o Alvinegro até chegou a abrir o placar na cobrança de falta perfeita de Róger Guedes, mas o pênalti cometido por Raul Gustavo em Vitor Roque acabou definindo o resultado de empate.

Vale lembrar que, depois de ter vencido o Juventude na última rodada, o Corinthians ficou a um ponto do Palmeiras na briga pela liderança. No entanto, o resultado de empate na Arena da Baixada pode fazer a equipe ficar a três pontos do Verdão. Isto é, o Timão não pode deixar o Palmeiras abrir uma vantagem confortável. Isso sem falar da turma que vem debaixo, como é o caso do Internacional.

Dentro de campo, mesmo jogando na posição de centroavante, Róger Guedes teve uma atuação interessante. A um dia de completar dois meses sem marcar, o atacante anotou logo uma pintura em Curitiba. De falta, ele mandou na gaveta de Bento e colocou o Timão na frente logo aos cinco minutos.

Corinthians
Róger Guedes não marcava desde o dia 16 de abril. Foto: Rodrigo Coca.

Corinthians sofre pressão e Vitor Roque muda o jogo 

Embora não tenha feito um primeiro tempo perfeito, o Corinthians se manteve em vantagem na ida dos times para o vestiário. Entretanto, o número de finalizações da primeira etapa já mostrava que o Athletico deveria ir para cima (11 a 3). Dito isso, Felipão optou pela entrada de Vitor Roque e o garoto de 17 anos mudou o jogo.

Antes de sofrer o pênalti que foi convertido por Terans, o garoto já havia carimbado uma bola na trave de Cássio. Isto é, a maior contratação da história do Furacão ajudou e muito o time na noite de ontem (15).

Por fim, o jogo contou com um lance bastante bizarro. Poucos minutos após entrar em campo, o volante Roni se envolveu em uma briga com o volante Hugo Moura e acabou expulso. Na saída de campo, Vítor Pereira pegou o garoto e deu uma baita dura. Afinal, com Maycon e Paulinho machucados, poderia ser a chance de Roni jogar. O próximo jogo será contra o Goiás, em casa.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.