Confiança da indústria emenda segunda queda em fevereiro

Retrações consecutivas interrompem oito meses seguidos de alta

1

A prévia da Sondagem Industrial de fevereiro deste ano indica uma queda de 3,1 pontos no Índice de Confiança da Indústria (ICI), na comparação com o mês anterior. Dessa forma, o indicador recua para 108,2 pontos. Caso haja confirmação do resultado, este será o segundo mês seguido de retração do ICI, após a sequência de oito avanços consecutivos, com início em maio. A saber, em dezembro do ano passado, o indicador alcançou 114,9 pontos, maior nível desde maio de 2010 (116,1 pontos). A Fundação Getúlio Vargas (FGV), responsável pelo levantamento, divulgou as informações nesta segunda-feira (22).

Em resumo, a queda ocorre graças à redução do Índice de Situação Atual (ISA), cuja projeção indica recuo de 0,9 ponto. Assim, o índice cai para 115,4 pontos. Da mesma forma, o Índice de Expectativas (IE) deve afundar 5,3 pontos em fevereiro, descendo para os 101,0 pontos. 

Além desses dados, que contribuem para a provável queda do ICI em fevereiro, o levantamento também indica a evolução do Nível de Utilização da Capacidade Instalada da Indústria (NUCI). Nesse caso, o indicador deve cair 0,8 ponto percentual (p.p). Com isso, o nível deve chegar a 79,1%. Da mesma forma, o resultado da média móvel trimestral deverá apresentar a primeira queda em sete meses, passando de 79,6% para 79,4%.

 

Veja mais detalhes do ICI 

De acordo com a FGV, a queda nos três índices que compõem o ICI não poderiam resultar em outra coisa se não a retração do indicador em fevereiro. As estimativas apontam que a indústria mostra menos confiança no avanço do setor. E a principal razão para o receio é o aumento nas infecções e mortes pela pandemia da Covid-19. Os setores econômicos vêm sofrendo novamente com as medidas de distanciamento social, o que também deve prejudicar a retomada econômica de setores já atingidos pela pandemia. 

 

LEIA MAIS

Mercado financeiro projeta inflação em 2021 acima do centro da meta

Corretora indica de investidores devem vender ações da Petrobras

Leia Também:

1 comentário
  1. […] Confiança da indústria emenda segunda queda em fevereiro […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.