Causa da morte de Marília Mendonça é revelada em laudo oficial

A cantora sertaneja morreu com a queda do avião, assim como as outras quatro vítimas

0

A causa da morte de Marília Mendonça e dos outros quatro tripulantes do acidente aéreo em Caratinga, Minas Gerais, foi confirmada nesta quinta-feira (25). De acordo com laudo oficial da Polícia de Minas Gerais, todas as vítimas sofreram politraumatismo, ou seja, foram detectadas várias lesões em órgãos vitais dos falecidos.

Dani Calabresa e Marcius Melhem se ‘encontram’ em audiência após denúncias de assédio

Em coletiva de imprensa, o médico-legista Thales Bittencourt de Barcelos afirma que Marília e as outras vítimas, Geraldo Medeiros, Tarciso Viana, Henrique Ribeiro e Abicieli Filho tiveram politraumatismo contuso no acidente: “Todos os exames dos tecidos vieram negativos para outras enfermidades que pudessem contribuir para a morte. Os exames de tecido confirmaram os traumas sofridos por todas as vítimas”.

“Os exames toxicológicos e alcoólicos também não apontaram nenhum tipo de consumo de substância ou intoxicação que pudessem contribuir com os óbitos. Dessa forma, a conclusão final dos óbitos será por politraumatismo contuso para todas as cinco vítimas desse acidente aéreo”, finaliza o legista.

Segundo o delegado Ivan Lopes Sales, a polícia trabalha com a tese de que a aeronave caiu ao bater em fios de alta tensão da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e uma investigação já está encaminhada. A possibilidade de pane nos motores ainda não foi descartada.

Relembre o terrível acidente

O avião em que a cantora estava, um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, caiu perto de uma cachoeira em Caratinga, no interior de Minas Gerais, no dia 5 de novembro deste ano. Apesar de, inicialmente, a assessoria de Marília afirmar que todos os cinco passageiros estavam bem, o Corpo de Bombeiro atestou a morte da artista, do produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e copiloto.

No início da tragédia, a assessoria da cantora afirmou que todos estavam bem e foram resgatados, mas a cobertura ao vivo desmentiu as informações. Logo depois, foi confirmado que os cinco tripulantes morreram após a colisão da aeronave, que tinha irregularidades de acordo com o Ministério Público.

O corpo de Marília foi enterrado no Parque Memorial em Goiânia, na tarde do dia 6 de dezembro. No dia 11 de novembro, a família da cantora fez um culto em homenagem à Marília e, logo depois, anunciaram que a guarda do filho de Mendonça, Léo, será compartilhada entre a mãe dela, Ruth, e o pai do menino, Murilo Huff.

 

 

 

Veja também: Transmissão de série de Natal é proibida por Príncipe William e Kate Middleton

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.