Carlos Renaux e Atlético Catarinense fazem jogo agitado com seis gols

Partida foi válida pela segunda rodada da competição estadual

0

O Atlético Catarinense teve a vitória nas mãos, mas ficou no empate por 3 a 3 com o Carlos Renaux na tarde desta segunda-feira (5), no estádio Augusto Bauer, em Brusque, pela segunda rodada do Campeonato Catarinense da Série B.

Com o resultado, o time de São José, comandado pelo técnico Edu Sales, conquistou o primeiro ponto na temporada, após perder em casa na estreia para o Nação.

Por sua vez, o time de Brusque, que empatou na estreia com o Tubarão, soma novo empate.

Agora, a Águia Josefense volta a jogar na outra segunda-feira (12), quando recebe o Fluminense de Joinville, a partir das 15h, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela terceira rodada do campeonato.

Nesta segunda-feira, o Atlético Catarinense levou um susto logo aos 5min, quando Carlos Renaux abriu o placar. Após falta da esquerda, Vinícius Urbano desviou de cabeça e fez 1 a 0.

No entanto, dois minutos depois, o time de São José conseguiu reagir logo e empatou com Alex Bruno: 1 a 1. Ele aproveitou cruzamento da esquerda e desviou de cabeça também: 1 a 1.

Embalo, o CAC chegou à virada aos 19min, com gol de Alex Bruno novamente. Desta vez, ele aproveitou falha do zagueiro Gustavo, que não dominou, perdeu a bola e o atacante arrancou para mandar no canto direito, forte: 2 a 1.

Depois, aos 35min, o Atlético Catarinense sofreu pênalti, quando Paganelli fez pênalti e levou cartão amarelo.

No entanto, Alex Bruno foi para a cobrança e o goleiro defendeu, perdendo a chance do hatch-trick.

Assim, a Águia foi para o intervalo com vantagem de 2 a 1.

Segundo tempo

Veio a etapa final e o time de São José viu o Vovô ficar com um a menos logo aos 2min, quando Paganelli levou o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo.

No entanto, o Carlos Renaux, mesmo com um a menos, foi para cima e quase empatou em seguida, aos 7min, quando o zagueiro Rafael chutou forte, na pequena área e a bola bateu no travessão, com o gol aberto.

Dois minutos depois, o CAC chegou com José Domingues, que avançou e chutou por cima, também com perigo.

Mas, a equipe de São José não conseguia se aproveitar da vantagem numérica e criava poucas chances nos contra-ataques. O Carlos Renoux, por sua vez, ia para cima, mas também não conseguia empatar.

Porém, aos 34min, o CAC cometeu falta perto da grande área e Garrati cobrou a falta com perfeição, mandando por cima da barreira e entrando no canto direito: 2 a 2.

Em seguida, aos 37min, em novo ataque do Carlos Renaux, agora pela direita, a bola sobrou para Vinícius Urbano, que encheu o pé e mandou para o gol: 3 a 2, com um a menos.

Assim, o Atlético Catarinense foi para a pressão no final e empatou com Teteu, aos 46min, após bate-rebate na área.

Em seguida, Schmoller, zagueiro do CAC, foi expulso.

Leia também: Brasil vence o Peru com placar magro e vai à final da Copa América

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.