Carla Zambelli comenta escolha de Kassio Nunes para o STF

Deputada afirmou ter tido conversa extensa com o desembargador.

1

A deputada federal Carla Zambelli (PSL), eleita por São Paulo, fez no último sábado (17) uso de seu perfil oficial na rede social Twitter para comentar a indicação do desembargador Kassio Nunes Marques ao cargo de Ministro do Supremo Tribunal Federal.

Por meio de um tweet, Carla Zambelli escreveu: “Conversei largamente com o Desembargador Kassio Nunes Marques e o resultado foi muito positivo. Estou segura e com o coração tranquilo de que o Presidente da República, Jair Bolsonaro, fez uma excelente escolha. A imprensa, definitivamente, distorce demais e tudo”.

Em resposta à postagem de Zambelli, a deputada estadual, também eleita por São Paulo, escreveu: “Deputada, não foi o Desembargador Nunes Marques que derrubou a liminar que a Sra conseguiu, para suspender o edital da compra da lagosta pelo STF?”, referindo-se ao episódio em que o Supremo Tribunal Federal foi alvo de críticas populares por um edital para contratar empresa que fornecesse as refeições.

Carla Zambelli por sua vez respondeu: “Ele derrubou sim, para o pleno decidir, mas sinceramente não vou julgar alguém com mais de 50 mil decisões, baseada em uma”.

Janaína também fez um pedido à Zambelli: “Deputada, por favor, já que a Sra. tem acesso ao indicado, pede a tese de doutoramento dele, que eu quero ler. Faço o pedido como sua eleitora”.

Carla Zambelli respondeu em seguida: “Ele defendeu a tese dia 25 de setembro, a Universidade de Salamanca ainda não disponibilizou o texto, mas ele disse que assim que estiver disponível avisa para você ler. É sobre contrapesos judiciais para evitar o ativismo. Ele é contra a liberação do aborto e de drogas”.

Críticas ao Desembargador

Os últimos dias foram marcados por vários questionamentos sobre o primeiro nome indicado por Jair Bolsonaro (sem partido) ao Supremo Tribunal Federal, o desembargador Kassio Nunes Marques, do Tribunal Regional Federal da 1° Região, o TRF-1.

Antes mesmo de passar pela sabatina no Senado Federal, Kassio Nunes viu seu nome ser fortemente questionado pela internet. No último domingo (11), um levantamento feito pela revista Crusoé apontou que em uma dissertação entregue para a conclusão de um mestrado, em 2015, teria “passagens inteiras são idênticas a trechos de textos do advogado Saul Tourinho Leal”.  Ainda foi apontado que um erro de português contido em um dos artigos é repetido, o que pode indicar uma espécie de “copia e cola”.

Janaína Paschoal, na oportunidade, fez duras críticas e cobrou ações: “O Supremo Tribunal Federal e o Senado Federal não podem ficar calados diante dessa situação! A integridade acadêmica é pressuposto não só para ser Ministro do Supremo, mas para o próprio exercício da magistratura”.

A deputada também classificou o tema: “Amados, essa denúncia é muito grave. Estou, há dias, procurando a tese de doutoramento e os trabalhos de pós doutoramento do indicado ao STF, sem sucesso. Localizei a dissertação de mestrado, li e, como disse, apesar de não concordar, achei o trabalho tecnicamente muito bom!”.

Confira a íntegra da matéria abaixo:

Leia mais: Janaína Paschoal: “O STF e o Senado Federal não podem ficar calado diante dessa situação!

1 comentário
  1. […] Leia mais: Carla Zambelli comenta escolha de Kassio Nunes para o STF […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.