Câmera flagra motoristas disputando racha em Brasília; veja o vídeo

O Detran revelou que a ação aconteceu no momento em que os agentes faziam uma ação com militares e se depararam com os veículos em alta velocidade

0

Um racha entre cinco carros foi flagrado por agentes do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) e policiais militares por volta das 21h dessa quinta-feira (10) na via L4 Sul, em Brasília. De acordo com o Detran, os motoristas, com idades entre 25 e 32 anos, foram levados para delegacia.

Jovem de 18 anos morre durante a noite de núpcias em MG

Em nota, o Detran revelou que a ação aconteceu no momento em que os agentes faziam uma operação conjunta com os militares e se depararam com os veículos em alta velocidade.

No local em que foi constatado o fato, a velocidade máxima permitida na via é de 80 km/h. Além dos integrantes do racha, informou a entidade, havia outras pessoas assistindo a disputa, “aumentando ainda mais o risco de acidentes”.

O Detran revelou que a ação aconteceu no momento em que os agentes faziam uma ação com militares e se depararam com os veículos em alta velocidade.
O Detran revelou que a ação aconteceu no momento em que os agentes faziam uma ação com militares e se depararam com os veículos em alta velocidade. (Foto: reprodução)

Capturados, os motoristas foram levados à 1ª Delegacia de Polícia, na Asa Sul e, por lá, foram autuados por “crime de trânsito”, quando o condutor participa, em via pública, de corrida, disputa ou competição automobilística realizando, segundo o código de trânsito, manobras não autorizadas pelas autoridades, “gerando situação de risco à incolumidade pública ou privada”.

Segundo o código de trânsito, a infração em questão é considerada gravíssima e, por isso, foi aplicada uma multa de R$ 2.934,70, além da suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Além disso, os agentes também apreenderam os veículos dos infratores, que foram levados para o depósito do Detran.

No comunicado, o Detran ainda disse que faz  o monitoramento de locais específicos para coibir os rachas. “A fiscalização tem objetivo de impedir que veículos façam disputas, que podem causar graves acidentes e, inclusive, a morte de inocentes”, disse a entidade.

Mortes no trânsito registradas pelo Detran

O Distrito Federal contabilizou, até abril deste ano, 42 mortes no trânsito. O número em questão é 26% menor em comparação a igual período do ano passado, quando foram registradas 57 ocorrências.

Motociclistas e pedestres foram os que mais morreram: 14. Em seguida, estão os passageiros de veículos (7), demais condutores (5) e ciclistas (4).

Leia também: Vídeo mostra ponte desabando e quase ‘engolindo’ caminhões em SC

Veja Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.