Brasil vence o Japão e está nas quartas de final do Mundial de Futsal

Time brasileiro passou sufoco, mas agora terá o Marrocos pela frente

0

A Seleção Brasileira masculina de futsal venceu o Japão por 4 a 2 na tarde desta quinta-feira (23), no ginásio de Kaunas, na Lituânia, pelas oitavas de final da Copa do Mundo da modalidade.

Com esse resultado, o time comandado pelo técnico Marquinhos Xavier vai encarar o Marrocos nas quartas de final.

Enquanto isso, os japoneses vão embora mais cedo para casa, com uma vitória e três derrotas dentro da competição.

Agora, a partida contra os marroquinos será disputada no domingo (26), a partir das 10h, em Vilnius.

O jogo

A partida começou com o Brasil pressionando e já sofrendo a primeira falta logo no primeiro minuto, mas o árbitro não marcou a infração.

Porém, o Japão também tinha qualidade e, logo aos 4min, em chute de fora da área, o goleiro brasileiro Guitta falhou e a bola entrou, com os japoneses fazendo 1 a 0, com Hoshi.

No entanto, a Seleção Brasileira foi busca o empate com Ferrão, que recebeu de costas, girou e mandou uma bomba para o gol: 1 a 1.

Mas o jogo era difícil, o Japão marcava forte e tentava preencher a quadra, evitando uma pressão maior do Brasil.

Além disso, nos contra-ataques, os japoneses levavam perigo também, com qualidade.

Aliás, aos 15min, o Japão ainda acertou uma bola na trave, assustando a defesa brasileira.

Depois, nos minutos finais, o Brasil ainda tentou pressionar, mas sempre parava na marcação japonesa, sem conseguir nem criar reais chances de gol.

Com isso, o primeiro tempo acabou mesmo empatado por 1 a 1.

Etapa final

Depois do intervalo, o time brasileiro voltou mais ofensivo, pois sabia que tinha definir logo a situação.

Mas o Japão continuava com a mesma marcação forte, diminuindo os espaços e não deixando o Brasil chegar.

Ainda assim aos 2min quase marcou com Rodrigo, em rara falha de passe dos japoneses, quando ele recebeu e bateu cruzado, à esquerda do goleiro.

Como o gol não saída, o Japão também começou a se soltar e chegou a levar perigo em alguns lances.

No entanto, a qualidade técnica individual do Brasil prevaleceu e, aos 11min, Leozinho driblou o goleiro, pela direita, e marcou 2 a 1.

Depois, aos 17min, Pito também driblou o goleiro e fez outro golaço, ampliando para 3 a 1.

Mas, faltando dois minutos para final, o Japão ainda descontou para 3 a 2.

Nos acréscimos, Gadeia ainda marcou o quarto gol do Brasil e matou o jogo.

Leia também: Técnico do América Mineiro lamenta empate e diz que poderia ter vencido o São Paulo

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.