Bolsonaro participa de formatura de 485 policiais da PM

Bolsonaro disse aos novos policiais que, em muitos momentos, eles estarão sozinhos e que a imprensa sempre estará contra eles

3

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) esteve presente, na manhã desta sexta-feira (18), na cerimônia que marcou a formatura de 485 policiais militares no Rio de Janeiro, no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP).

Leia também: PF cumpre mandados de busca e prisão em operação contra fraudes em licitações

A turma é originária de um concurso realizado em 2014 e integra o total de 1.885 policiais militares formados nos últimos dois anos. De acordo com a CFAP, cerca de 1,5 mil alunos ainda seguem no Centro de Formação.

Segundo o Secretário de Estado de Polícia Militar, o coronel Rogério Figueredo, ao longo de um ano de curso, além das aulas voltadas para patrulhamento e uso de armamentos, a filosofia do policiamento de proximidade também fez parte da instrução dos novos policiais.

“Estes novos soldados serão direcionados para atuarem mais próximos da população, visando o aumento da sensação de segurança, a integração com a sociedade e a consequente redução dos índices de criminalidade”, explicou Rogério Figueredo.

Durante o evento, Bolsonaro ressaltou a missão dos novo policiais, dizendo que estes profissionais dão a própria vida para defender os demais cidadãos. “O trabalho de vocês é um dos mais sublimes do Brasil. Oferecem a sua vida pela vida de terceiros”, relatou.

Bolsonaro crítica a imprensa 

Durante seu discurso, além de ressaltar o trabalho dos futuros agentes militares, Bolsonaro tirou um tempo para atacar a imprensa. O chefe do executivo disse que, em muitos momentos, os policiais estarão sozinhos e que a imprensa sempre estará contra eles.

“Por muitas vezes vocês estarão sós. Terão apenas Deus ao seu lado. Assim sendo, se preparem cada vez mais. Simulem as operações que podem aparecer pela frente. Porque uma fração de segundo, está em risco a sua vida, do cidadão de bem ou de um canalha defendido pela imprensa brasileira”, disse o presidente.

Além disso, Bolsonaro também disse que a imprensa brasileira está sempre do lado das mentiras. ‘Não se esqueçam disso, essa imprensa jamais estará do lado da verdade, da honra e da lei. Sempre estará contra vocês. Pensem dessa forma para poderem agir”, acrescentou Bolsonaro.

A declaração vem pouco menos de duas semanas após a então porta-voz da PM Tenente-Coronel Gabryela Dantas ser exonerada depois de publicar um vídeo atacando um jornalista por publicar matérias “mentirosas”.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.