Artista plástica vai para a cadeia por matar empregada a facadas

De acordo com as informações oficiais, a decisão é do STF. Segundo a Justiça, a artista matou a empregada ainda em 1993

2

Uma artista plástica vai para a cadeia por matar sua empregada doméstica em 1993 a facadas. O Supremo Tribunal Federal (STF), é o autor da decisão. De acordo com as informações do processo, ela vai ter que cumprir oito anos e quatro meses de prisão.

Tudo aconteceu no ano de 1993. Na época, algumas pessoas encontraram a empregada Cleonice de Fátima Rosa morta nas escadas de um prédio na cidade de Londrina, no Paraná. Cleonice tinha 22 anos de idade na época e tomou várias facadas.

A principal suspeita passou a ser a artista plástica Venda Pepiliasco. Era portanto a patroa de Cleonice. O processo demorou anos com muitas idas e vindas. Seja como for, a decisão final da Justiça saiu em 2015: Venda teria que passar os oito anos e quatro meses em regime fechado.

Mas os advogados da artista recorreram da decisão. Por isso, ela aguardou o processo em liberdade até 2016, quando chegou a ir para a cadeia. Mas mais uma vez, os advogados entraram com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF). Aí ela respondeu o processo em liberdade.

Isso aconteceu até agora. Mas o STF decidiu que a ex-patroa precisa pagar pela decisão. Assim, ela precisa ir para a prisão imediatamente. Como o processo já transitou em julgado, não há mais como os advogados pedirem recursos.

Morte de empregada

De acordo com as informações do processo, Venda Perpiliasco tem hoje 67 anos de idade. Ela não mora mais em Londrina e está neste momento vivendo no Mato Grosso. Seja como for, nada disso impede que ela tenha que cumprir a pena.

O crime que aconteceu em 1993 chocou o país e ganhou muito espaço na imprensa nacional. Mas o fato é que até hoje não se sabe o motivo da morte da empregada. Dessa forma, mesmo depois de tantos anos, o caso ainda é cercado de mistério.

Leia Também:

2 Comentários
  1. […] Leia também: Artista plástica vai para a cadeia por matar empregada a facadas […]

  2. […] médico foi encontrado ferido com golpes de faca na noite de ontem, domingo (6), Bujari (AC). De acordo com o Centro Integrado de Operações de […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.