Aposentados e mais dois grupos do INSS podem receber R$ 2 mil EXTRA; Confira

0

Excelente novidade! Aposentados, pensionistas e cadastrados no Benefício de Prestação Continuada (BPC) do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) podem receber um abono extra do INSS no valor de R$ 2 mil.

A proposta legislativa (SUG) nº 15/2020, elaborada por Jefferson Brandão Leone – BA, teve avanço para Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado Federal.

A proposta para o pagamento extra do abono já recolheu mais de 26 mil assinaturas on-line a favor da sua implementação. O documento agora foi recebido por Paulo Paim para análise e apreciação.

Detalhes da proposta

De acordo com a proposta, a implementação visa o pagamento extra do abono no valor de R$ 2 mil aos aposentados, pensionistas e inscritos no BPC do INSS durante a pandemia do novo coronavírus, o que decorreu a decretação do estado de calamidade, encerrado em dezembro de 2020. Esse pagamento pode contemplar os beneficiários que recebem até três salários mínimos.

Esse projeto pode ser, caso aprovado, mais uma medida para conter os prejuízos econômicos causados pela pandemia.

O avanço da proposta pode ser acompanhado pelo site oficial do Senado Federal, como os desdobramentos da iniciativa e a movimentação. Situação atual: em tramitação.

Antecipação do 13° é confirmada em duas parcelas 

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) confirmou a antecipação, a partir deste ano, do 13° salário dos aposentados e pensionistas. A medida foi autorizada após publicação no Diário Oficial da União do Decreto Nº 10.410, no dia 1º de julho de 2020.

Em 2020 a antecipação se fez necessária após o vírus da Covid-19 atingir fortemente a economia do país.

A intenção do decreto é que a medida continue sendo uma opção nos próximos anos, sem a necessidade de ação por parte do Governo Federal.

13º salário em 2021

A antecipação do 13° salário em 2020 aconteceu entre o final do mês de abril e começo de junho. Conforme o calendário oficial do INSS, o abono deveria ser pago no período natalino, mesmo que a primeira parcela fosse depositada em agosto.

A partir deste ano e os seguintes, caso não houver nenhuma mudança, a primeira parcela do décimo terceiro será paga em agosto, 50% do benefício. O restante vem no mês de novembro, concluindo assim os 100% do benefício.

Com essa alteração, aposentados e pensionistas do INSS poderão receber parcelas do 13° junto ao salário do mês correspondente.

Abaixo confira quem poderá antecipar:
  • os aposentados;
  • os que recebem pensão por morte;
  • salário-maternidade;
  • auxílio-doença e
  • auxílio reclusão.

Não deixe de ler: Não contribuí mas desejo encostar pelo INSS; o que fazer? VEJA AQUI!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.