Anvisa concede registro definitivo à vacina da Pfizer contra a Covid-19

Agora, com esse registro definitivo, a vacina da Pfzer poderá ser aplicada em todas as pessoas com 16 anos ou mais, e não apenas nos grupos prioritários

1

Uma boa notícia que ronda à vacina da Pfizer, em parceria com o laboratório /BioNTech, foi anunciada na manhã desta terça-feira (23), quando a Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, autorizou o registro definitivo no Brasil do imunizante fabricado pela empresa farmacêutica contra o coronavírus.

Assim, a vacina da Pfizer/BioNTech se torna a primeira contra a doença a receber o registro sanitário definitivo no país. Entretanto, apesar disso, ela ainda não está disponível em solo brasileiro.

Agora, com esse registro definitivo, a vacina da Pfzer poderá ser aplicada em todas as pessoas com 16 anos ou mais, e não apenas nos grupos prioritários.

Isso é bem diferente do que vem sendo autorizado com a vacina de Oxford e a CoronaVac que só tiveram o seu uso liberado para grupos prioritários, como é o caso dos idosos ou profissionais de saúde em virtude da aprovação de uso emergencial para tentar conter o avanço do coronavírus no país.

Mesmo com autorização, vacina da Pfizer não está disponível no Brasil

Apesar desse registro definitivo da vacina da Pfizer, o Brasil não tem doses disponíveis ou acordo de compra com a empresa.

Ainda em 2020, o Ministério da Saúde disse que as doses propostas pela Pfizer para entrega em dezembro causariam “frustração” aos brasileiros e mesmo a farmacêutica dizendo que 40 milhões de doses estariam disponíveis, nada foi acordado.

Entretanto, a empresa não aceitou a cláusula no contrato onde o Governo Federal diz que a Pfizer precisa se responsabilizar por efeitos adversos graves do imunizante.

Diferente da CoronaVac e da vacina de Oxford, a vacina da Pfizer não será produzida no Brasil, e, sim, comprada de fora, porque não há acordo de transferência de tecnologia com o país.

Resta saber agora se com essa autorização as negociações entre o governo e a empresa farmacêutica possam ficar mais clara, ajudando na imunização dos brasileiros.

Leia Também:

1 comentário
  1. […] A vacina da Pfizer, em parceria com o laboratório /BioNTech, foi anunciada na manhã desta terça-feira (23), quando a Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, autorizou o registro definitivo no Brasil do imunizante fabricado pela empresa farmacêutica contra …. […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.