Antonia Fontenelle busca acordo com Ministério Público após processo de Giselle Itié

Antonia ainda é processada por Giselle por racismo e xenofobia

0

Antonia Fontenelle busca fazer um acordo com o Ministério Público do Rio de Janeiro após ser acusada de racismo e xenofobia por Giselle Itié. As informações são da jornalista Fábia Oliveira, nesta segunda-feira (22).

Ministério Público recebe denúncia contra Antonia Fontenelle, Carlinhos Mendigo e Netinho

A Youtuber foi acusada de xenofobia pela atriz, que a mandou “voltar para seu país“, após dar a entender que Giselle acusava Marcos Paulo, viúvo de Antonia, de abuso sexual, em dezembro de 2020.

Antonia manifestou interesse junto ao Ministério Público para que a queixa de Giselle não se tornasse processo. A atriz ainda a processa por difamação, calúnia e injúria.

Em entrevista para o site Uol, o advogado de Giselle Itié, André Perecmanis, diz que sua cliente não aceitou o acordo e que uma nova audiência será marcada:

Ela chamou a Giselle de covarde, a desqualificou como atriz, mulher, praticando crime contra a honra e injúria. Fizemos uma ação e ela está sendo processada no juizado criminal da Barra da Tijuca.

O processo no Ministério Público também segue adiante e o advogado de Antonia Fontenelle, José Guilherme Costa de Almeida, lamenta a situação: “Antônia é uma nordestina batalhadora. Ela é uma vencedora e não tem nenhum traço de racismo ou xenofobia. Ela é mãe de um filho negro. Isso a ofende profundamente.”

Relembre a confusão

Após Dani Calabresa expor o assédio que sofreu de Marcius Melhem, na TV Globo, Giselle Itié revelou em dezembro de 2020 que também sofreu assédio em sua primeira novela na emissora por um dos diretores. No caso, os internautas apontaram que a novela seria Começar de Novo no qual o diretor geral seria o falecido Marcos Paulo.

Irritada, Antonia Fontenelle, viúva de Marcos Paulo, rebateu as alegações de Itié e até disparou que ela “deveria voltar para o México”, onde nasceu. Após a notícia sobre a queixa repercutir na mídia, Antonia fez pouco caso e em seu Instagram, no dia 5 de dezembro, disparou:

Deem um Google em xenofobia, eu não sou xenofóbica. Quando eu falei no meu vídeo o meu descontentamento com Giselle e disse que ela deveria voltar ao México é porque é um desserviço o que ela faz no meu país. É muito feio.

O colunista Ancelmo Gois foi o primeiro a dar a notícia da queixa de Giselle contra a Youtuber em dezembro de 2020. Na ocasião, Antonia disse que não praticou xenofobia contra a atriz.

Após a notícia da queixa prestada por Giselle Itié na  Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), no Rio de Janeiro, vazar, Antonia disse que tudo não passava de uma fake news: “Mentirosa! Mentirosa e Mentirosa! Se manca”. 

 

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.