Anitta recebe alta médica após cirurgia de endometriose

Cantora deve ficar de repouso até o final de agosto.

0
Anitta recebe alta médica
Reprodução: Instagram

Novo passo no tratamento! Após realizar mais exames para ver o resultado da cirurgia contra a endometriose, Anitta recebe alta médica. A cantora realizou uma laparoscopia na última quarta-feira (20).

Anitta recebe alta médica

De acordo com uma nova nota enviada pelo Hospital Vila Nova Star, os novos exames realizados na tarde desta segunda-feira (25) foram satisfatórios e a cantora já foi para casa. “O Hospital Vila Nova Star, da Rede D’or, informa que a artista Anitta recebeu alta da unidade, situada na zona sul da cidade de São Paulo.A decisão da equipe médica ocorreu após reavaliação do quadro clínico da paciente, realizada nesta tarde. A cantora recebeu todas as orientações necessárias para a sua recuperação pós-alta hospitalar, e seguirá sendo monitorada pela equipe da unidade”. No entanto, mesmo após sair do hospital, Anitta deverá ficar de repouso até o final de agosto.

A cantora relatou que sofreu por nove anos com a endometriose e só descobriu o problema de saúde recentemente. Assim que terminou sua turnê na Europa, Anitta cancelou eventos e realizou o procedimento, contando com o apoio do namorado, Murda Beatz, e da amiga Gkay. Neste domingo (24), a artista voltou a reclamar do pós-cirúrgico: “Que recuperação maldita, viu. Dói, senhor. Quem aqui já fez essa cirurgia, pelo amor de Deus?”, questionou a seus seguidores, recebendo o apoio de pessoas que passaram pela mesma situação que ela.

Em outra publicação, Anitta declarou que correu tudo bem na sua cirurgia, mas voltou a relatar que estava sentindo muitas dores. “Sei que vocês estão esperando eu aparecer, mas tá difícil, viu. Esse pós é insuportável. Correu tudo certo na cirurgia, agora é passar por essa fase extremamente ruim”, declarou. Que Anitta tenha uma excelente recuperação!

Laparoscopia

A laparoscopia é um procedimento menos invasivo, que conta com um menor trauma cirúrgico e menos sangramento intraoperatório, além de uma recuperação mais rápida. Na cirurgia, três buraquinhos são feitos na região da barriga, a fim de passar o equipamento com microcâmera – que permite a visualização direta – e dos outros instrumentos para retirar ou queimar o tecido endometrial.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.