Anderson, do Molejo, nega assédio contra Solange Gomes: “Infundado”

Cantor afirma que informação dada pela influenciadora digital não condiz com a verdade.

0
Anderson, do Molejo, nega assédio
Reprodução

O cantor Anderson Leonardo, vocalista do Grupo Molejo, nega acusação de assédio feita pela ex-Banheira do Gugu Solange Gomes. A influenciadora digital afirmou que o artista colocou a mão dentro do seu biquíni durante a atração dos anos 1990 do ‘Domingo Legal’.

Anderson, do Molejo, nega assédio contra Solange Gomes

Em nota enviada ao site Metrópoles pelo advogado de Anderson, Eduardo Mello, o cantor afirma que as informações não condizem com a verdade. “As acusações são infundadas, oportunidade em que serão melhor analisadas pela equipe de advogados e, em tempo oportuno, serão tomadas as medidas jurídicas cabíveis ao caso em face da acusadora, se necessário”, informou o comunicado.

Acusação

Solange falou sobre o suposto assédio durante bate-papo com Sérgio Mallandro e Renato Rabelo, no podcast Papagaio Falante. Na ocasião, a ex-A Fazenda diz que ficou com medo de represálias, por isso nunca havia falado sobre o assunto. “Antigamente as coisas aconteciam e a gente não tinha muita noção. Então, eu lembro na banheira que o Anderson do Molejo veio e colocou a mão dentro do meu biquíni. Ele fez um exame ginecológico. Eu estava agarrando muito ele, tipo, sufocando, dando uma gravata, e ele ficou chateado, irritado. Então, a única forma que ele achou que poderia me parar era fazendo um exame ginecológico. Foi bem desagradável”, relata.

Ademais, a ex-esposa de Waguinho diz que temeu ser demitida caso reclamasse. “Isso tem 22, 23 anos. Isso é um assédio. Algo seríssimo. Eu não fiz nada. Era bobona, vinte e poucos anos. Tinha medo de reclamar e ser mandada embora”, comentou ela, por fim.

Antes da ameaça de processo, Solange voltou a se pronunciar: “Só para deixar claro que não contei nenhuma novidade em entrevista ao podcast Papagaio Falante. Todas as minhas falas já foram amplamente divulgadas desde o ano de 2019 quando lancei meu livro. E ninguém citado se manifestou na época e já se passaram 3 anos. Quem cala, consente. Na verdade, sempre que me perguntam, respondo a mesma coisa. Em 2019, 2020, 21… Zzzzz Google e YouTube está lotado das mesmas declarações minhas. Nada é novidade”, disse em seu Twitter.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.