Agiota é morto a tiros ao cobrar dívida de empresário

A polícia apurou que imagens do estabelecimento captaram o momento da ação e testemunhas também presenciaram o crime, o que deve facilitar na localização do suspeito

1

Um agiota de 47 anos foi morto a tiros ao cobrar dívida de um empresário, em Pontes e Lacerda, no Mato Grosso do Sul. O caso aconteceu no última dia 31 de dezembro, mas o vídeo foi só divulgado nesta terça-feira (12).

Leia também: Jovem tenta explodir casa para matar irmã, cunhado e sobrinha de 1 ano

As imagens de câmeras de segurança que mostram Dalcivan Leite da Silva sendo assassinado começou a circular nas redes sociais e chegou até a Polícia Civil, que informou que o caso está sendo investigado em um inquérito instaurado pela delegada Bruna Caroline Laet.

Segundo a polícia, o dono de um mercado na cidade é o principal suspeito do homicídio. A polícia apurou que imagens do estabelecimento captaram o momento da ação e testemunhas também presenciaram o crime, o que deve facilitar na localização do suspeito.

A polícia apurou que imagens do estabelecimento captaram o momento da ação e testemunhas também presenciaram o crime, o que deve facilitar na localização do suspeito. (Foto: reprodução)

Conforme as investigações da Delegacia de Pontes e Lacerda, Dalcivan foi atingido por, pelo menos, quatro disparos de arma de fogo.

Ele atuava como agiota na cidade e foi cobrar uma dívida do suspeito, que tem um pequeno comércio na região. Após o empresário chegar ao local, ambos tiveram uma conversa rápida e o suspeito sacou uma arma e efetuou os disparos contra Dalcivan.

Leia Também:

1 comentário
  1. […] Leia também: Agiota é morto a tiros ao cobrar dívida de empresário […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.