Adolescente mata padrasto após briga por uso de celular

O adolescente é suspeito de ter matado o padrasto a facadas após o homem chamar a atenção do jovem por conta do uso excessivo do celular

0

Uma briga por conta de um celular acabou em morte em Sarandi, na região norte do Paraná. Isso porque, de acordo com a Polícia Civil, um adolescente é suspeito de ter matado o padrasto a facadas na noite de sábado (09), após o homem chamar a atenção do jovem por conta do uso excessivo do celular.

Leia também: Mulher leva choque enquanto lavava roupas e morre

Segundo as investigações, após ficar bravo pela bronca o adolescente foi para cima do padrasto e deu ao menos cinco facadas nele. A vítima do crime, de 42 anos, até chegou a ser atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). No entanto, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Depois do crime, o adolescente, que tem 17 anos, tentou fugir do local, mas acabou sendo apreendido pela Polícia Militar (PM) horas depois. Ele foi encaminhado para a delegacia de Sarandi e responderá perante o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A Polícia Civil está investigando o caso.

Também no Paraná

Outro caso registrado no estado do Paraná, só que agora na cidade de Paiçandu foi um caso de feminicídio. De acordo com informações da Polícia Civil, uma mulher morreu no sábado (09) depois de ser espancada pelo marido. As agressões aconteceram na noite de sexta-feira (8).

Segundo testemunhas ouvidas pela polícia, a mulher, de 29 anos, foi agredida na frente dos três filhos, que são crianças. Após notarem as agressões, os vizinhos da vítima chamaram a polícia. A jovem foi levada para um hospital de Maringá, no norte do Paraná pelo Samu, mas não resistiu e morreu no sábado.

Já o homem, de 30 anos, foi preso em flagrante e levado para a delegacia de Maringá, que abriu um inquérito e investiga o caso, tratado como feminicídio.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.