Acesso a bolsas para titulações já é realidade para brasileiros

Bolsa pode chegar a 100%. A prestação de serviço é gratuita e está disponível para quem já concluiu pós-graduação. Entenda como funciona!

0

O acesso a bolsas integrais para Mestrado ou Doutorado já é possível para os aspirantes à pesquisa no Brasil. Isto, de acordo com uma ação da Anolis Capital. Ainda, as bolsas contemplam diversas áreas do conhecimento, através de um sistema de ensino inovador.

De acordo com a Anolis – investidora em bolsas de estudos – o processo é realizado através do aproveitamento de disciplinas de especialização. Tudo isto, dentro da plataforma, onde o inscrito complementa os créditos com foco na pesquisa científica.

Acesso a bolsas 100% em pós-graduação: saiba mais!

Conforme a Anolis Capital, será possível fomentar a ciência, por meio desta ação. O processo é realizado através do aproveitamento de disciplinas de pós-graduação. E, assim, dentro da plataforma, o inscrito complementa os créditos com foco na pesquisa e para o acesso às bolsas.

Depois, a Anolis realiza a busca e efetivação do processo em universidades internacionais. Entre os países, por exemplo, está os EUA.

“O que a Integralize (nome da plataforma) propõe é o acesso à bolsas por cases de sucesso, por exemplo. Além disso, vale destacar uma instituição americana que é respeitada no mundo inteiro, a University of the People. A instituição, por sua vez, oferece bolsas integrais. Estas, financiadas por grandes investidores.”, explica o CEO da Anolis, Luan Feitosa.

“O trabalho caminha com vários questionamentos. Neste novo contexto que se vive, identifica-se dois pontos de extrema importância. Em primeiro lugar, a falta de compreensão da essência do método. Depois, a integralização e o aproveitamento dos créditos – que acontecerá na plataforma. Desta forma, então, há uma equipe altamente qualificada que consegue fazer a busca, localizar as oportunidades e efetivar o processo em uma instituição internacional, com o acesso às bolsas para titulação de Mestre ou Doutor.”, diz Feitosa.

Como participar?

Para participar do processo, é fundamental ter uma pós-graduação (lato sensu ou stricto sensu). Pois, só assim, disciplinas são validadas.

De acordo com a Anolis, a área do curso é definida no momento da inscrição. Se o pesquisador tem um título de pós-graduação em Educação, por exemplo, o processo será direcionado para um Mestrado ou Doutorado em Educação.

Mais informações e a plataforma para acesso às bolsas estão disponíveis em: https://www.integralize.online/

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.